O que é ledger?

É normal se sentir um pouco perdido dentro do universo das criptomoedas, principalmente pelo fato de que existem muitos termos, funções e tecnologias envolvidas. Encontrar o nome de maneira aleatória dificilmente vai te dar pistas suficientes sobre o que aquele item de fato é.

Um exemplo é o ledger, onde muitas pessoas que já transacionam com criptomoedas, e que até mesmo entendem o conceito por trás dele, nunca ouviram falar.

Hoje gostaríamos de tirar um tempinho para falar mais sobre este item e então garantir que você tenha um domínio mais completo da situação. Sabendo exatamente o que é importante para a estrutura de uma criptomoeda.

O que é Ledger?

O que é ledger?

Então, sendo objetivo, o ledger é o “livro caixa” de uma criptomoeda. É através dele que nós podemos ter um registro de todas as transações, assim como uma análise dos envolvidos para saber se elas estão corretas.

Outro ponto interessante é que a identidade de todos acaba sendo anônima, garantindo que a pessoa consiga de fato trabalhar de uma maneira segura e sigilosa contra cobranças estatais.

A base da própria blockchain é o ledger, e ele é a blockchain em si. Afinal de contas, ele é formado por uma série de blocos que os mineradores irão formando com as transações que estão acontecendo naquele momento.

Cada bloco que é fechado com uma quantidade de transações e que recebe a sua PoW (prova de trabalho) é inserido dentro do ledger. O sistema é calibrado para fazer com que isso aconteça de 10 em 10 minutos.

Tudo varia bastante da quantidade de processamento que está disponível dentro do sistema. Onde ele vai se calibrando para garantir um tempo igualitário para resolver o problema.

 

Onde fica o ledger?

Como este é um livro texto que garante toda a segurança de uma criptomoeda, ele acaba sendo um arquivo descentralizado, ou seja, você terá uma cópia completa em todos os computadores que tiverem um full node da moeda.

Isto acaba sendo necessário para dar segurança a rede. Já que seria necessário destruir todos os nodos para ter um problema real com a rede.

Além disso, ter um ledger na sua máquina é necessário somente quando a pessoa deseja fazer a mineração daquela moeda. Ou seja, mesmo tendo um peso absurdo, ele só irá ser salvo em computadores que tenham capacidade para tal.

Mas de fato é importante se preocupar, pois alterações no ledger causariam o que chamamos de hard fork, que é quando uma moeda se divide em duas para atender as diferentes informações que encontramos no livro caixa da mesma.

 

Considerações finais

Como você pode ver, o ledger é de fato um item crucial de toda a blockchain. Ele garante a sua estrutura e a sua integridade. Principalmente quando levamos em consideração alguns pontos mais complicados como a segurança e validade das transações.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.