O que é Tether (USDT)?

Um dos grandes saltos que tivemos no mundo das criptomoedas é de fato encontrar algumas opções que são menos voláteis que o natural. As stablecoins chegaram como um novo paradigma para trazer funcionalidades diversas, além de oportunidades para o mundo cripto.

Entretanto, muitos podem ficar um pouco confusos quando o assunto são moedas estáveis. Afinal de contas, existem várias opções no mercado e normalmente não parece ter um motivo claro para muitos para investir em uma moeda que em teoria não tem chances de se valorizar.

Dentre as mais famosas encontramos o Dólar Tether, que hoje acaba sendo um dos ativos mais famosos e úteis que vamos encontrar sendo utilizados no mundo das finanças descentralizadas.

Mas o que é Tether (USDT)? Hoje estamos aqui exatamente para tirar esta dúvida e tentar explicar um pouco mais sobre o assunto de forma didática e tranquila.

Theter USD

O que é Tether (USDT)?

O USDT é uma stablecoin com valor pareado em dólar na proporção de 1:1, ou seja, para cada unidade de USDT (Dólar Tether) você terá o equivalente a 1 dólar.

Normalmente, as criptomoedas possuem um valor sem nenhum tipo de lastro, ou seja, elas possuem o preço que o mercado entrega diretamente para aquela moeda. Isto faz com que elas tenham flutuações enormes.

Com o USDT, sempre que você faz uma compra e este valor é depositado em custódia, onde ele fica guardado na conta do banco da empresa desenvolvedora do USDT até que aquele USDT seja “destruído”. Isto garante que haja uma certa segurança para o valor da moeda.

O uso dela acaba sendo bastante interessante, já que pode servir primeiramente como uma reserva de valor. Como o real normalmente vale muito menos do que nós podemos confiar, é normal ter uma reserva em dólar.

Mas com grandes burocracias e taxas para fazer um contrato de câmbio padrão com um banco, pode ser interessante comprar uma cripto lastreada em dólar para garantir uma maior facilidade.

Isto também permite transações até certo nível anônimas internacionalmente, fugindo mais uma vez de trâmites burocráticos problemáticos.

E claro, você também pode contar com uma série de aplicações de finanças descentralizadas, pois stablecoin como o tether são uma das ferramentas mais úteis para navegar pelo meio DeFi  e das DEX’s sem precisar estar sempre exposto as flutuações de uma criptomoeda.

Da mesma forma é possível conseguir vários resultados através de compra de ativos cripto de uma maneira que não seja facilmente rastreável e a prova de taxações e impostos.

 

Considerações finais

Como você pode ver, o Tether (USDT) é um dos ativos mais influentes hoje no mercado de finanças descentralizadas. Ainda assim, é muito utilizado como uma reserva de valor, e acaba sendo útil para uma série de transações.

Seja como for, é sempre importante avaliar cada ativo e seu grau de risco para poder fazer decisões sobre a sua aquisição e portfólio. Neste caso, a empresa em si tem mostrado bons resultados e podemos levar em consideração alguma segurança no projeto como um todo, apesar de que existem muitos rumores de que as reservas em dólar da tether não seriam suficientes para cobrir todos os USDT, então você deve sempre ficar de olho.

 

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.