Onde fazer staking de stablecoins?

Muito se fala dos investimentos de renda fixa com as moedas fiduciárias. Quem está iniciando uma vida de investidor provavelmente vai ouvir falar de CDB, Tesouro Direto e algumas outras modalidades que garantem um certo retorno por seus investimentos.

Entretanto, quando falamos do mercado de criptomoedas parece haver algum tipo de lacuna nesta área. Principalmente pelo fato de que é normal encontrar os investimentos tradicionais indexados à inflação, e pelas criptos terem um valor muito instável, seria difícil fazer o mesmo com estas moedas.

Mas não há motivo para desespero, existem sim algumas oportunidades que acabam surgindo junto com o crescimento da tecnologia. Hoje nós gostaríamos de falar exatamente do staking de stablecoins e como fazê-lo.

Onde fazer Staking de Stablecoins?

O que é o staking stablecoins?

Um dos grandes problemas que temos em qualquer tipo de corretora é não ter uma demanda que se encontre de maneira perfeita com as demandas do mercado.

Principalmente pelo fato de que qualquer pessoa pode inserir qualquer valor para vender seus ativos e de que qualquer pessoa pode emitir ordens de compra de qualquer forma.

Isto dificilmente encontra pares em um tempo hábil, e também é bastante comum que se encontrar irá ocorrer tudo em um tempo tão longo que o valor pode variar e alguém sair no prejuízo.

Por isso, a própria corretora executa grande parte das compras e vendas por si só por meio do livro de ofertas, cobrando uma pequena taxa, o que faz com que as transações nela sejam confiáveis e eficientes.

Para garantir que terá liquidez suficiente para as transações, muitas vezes a corretora de criptomoedas precisará fazer empréstimos de cripto com outras plataformas, dentre as quais pegará emprestado stablecoins, que sempre fazem parte dos pares mais negociados devido a sua versatilidade.

Essas stablecoins dessas plataformas, por sua vez, vêm de investidores que deixaram suas criptos paradas em staking na plataforma em troca de remuneração.

 

Onde fazer staking de stablecoins?

Primeiramente é importante sempre pesquisar sobre a plataforma que você está querendo investir. Mas em geral temos algumas opções:

BlockFi: Esta é uma corretora ainda em crescimento, mas que tem entregue um bom resultado. Algumas pessoas chegam a receber até 15% de retornos ao ano.

Aave: Este é um dos protocolos mais famosos do mercado e chega a ter uma das maiores recompensas, que chegam a até 30% de retorno.

Lido: Esta é uma plataforma descentralizada que permite o investimento com staking com retornos incríveis de até 22%. Mas é importante notar que você precisa confiar totalmente no protocolo, já que não terá ninguém por trás para dar apoio. Atualmente, a Lido concentra a maior parte dos validadores da Ethereum após a transição para o proof-of-stake.

Kraken: Esta é outra opção mais  e recente, mas nem por isso menos útil. Aqui você poderá conseguir retornos de até 22% dependendo da moeda.

 

Considerações finais

Como você pode ver o staking de stablecoins acaba sendo uma forma bastante eficiente e legítima de se ter uma renda com criptomoedas. Entretanto, é muito importante tomar cuidado antes de escolher o local onde você fará o investimento.

A instituição precisa ser sólida e os protocolos precisam ser bem feitos. Além disso, é importante notar que algumas exchanges descentralizadas podem ser vulneráveis. Não aposte tudo o que tem e evite exageros.

Lembrando que nada nesse artigo se trata de recomendação de investimentos.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.