Tipos de carteiras digitais de criptomoedas

Se você está estudando criptomoedas, já percebeu que irá precisar de uma carteira para poder armazenar suas moedas digitais. Agora, existem diferentes estilos de carteiras e, até mesmo dentro de um mesmo estilo, como por exemplo o digital ou online, as carteiras apresentam variações.

Se você quer ficar por dentro de tudo sobre as carteiras para criptomoedas, confira nosso artigo!

Tipos de carteiras digitais de criptomoedas

Tipos de carteiras digitais de criptomoedas

Existem vários tipos de carteiras de criptomoedas, e cada uma oferece um nível diferente de segurança e facilidade de uso. Aqui estão alguns dos tipos mais populares:

Carteira Digital ou Online

Uma carteira online, digital ou ainda também chamada de hot wallet, é uma carteira que fica hospedada na nuvem. Isso significa que você pode acessar sua carteira a partir de qualquer lugar, basta ter acesso à internet. As carteiras online são geralmente consideradas mais convenientes, pois você não precisa se preocupar com backups ou com a segurança das suas moedas.

No entanto, essa conveniência vem com um custo – as carteiras online são consideradas menos seguras do que as carteiras offline, pois elas estão sujeitas a ataques cibernéticos.

As carteiras digitais se subdivide em 3 tipos:

 

  • Mobile:

  • São as carteiras que podem ser baixadas nas lojas de aplicativos de celular, como Apple Store e Google Play. São super práticas na hora de fazer compras em estabelecimentos que aceitam criptomoedas.

Porém, como já dito, este tipo de carteira é mais vulnerável por estar exposto a softwares maliciosos. Outro motivo que torna este modelo de carteira mais vulnerável, é que o Brasil é um país com um alto índice de roubo de celulares.

A Coinomi, Trust Wallet e a Exodus são exemplos conhecidos de mobile Wallets.

 

  • Web:

  • As carteiras do tipo web são extensões de navegador e tudo que o usuário tem que fazer é entrar com login e senha na página da carteira e assim ele poderá movimentar suas moedas.

Da mesma forma que as carteiras mobile, apesar de serem práticas, a conexão permanente com a web as torna bastante suscetíveis a hackeamentos. Alguns exemplos conhecidos de carteiras web são a MetaMask e a Blockchain.com.

 

  • Desktop:

  • E por último, as carteiras desktop são softwares que você instalada no HD do seu computador. Diferentemente das carteiras anteriores, as informações ficam armazenadas no seu PC, o que as torna mais seguras.

Contudo, o usuário deve ser cauteloso da mesma forma com vírus, malwares e outros tipos de ameaças.

 

Carteira Offline ou Hardware

Uma carteira offline é exatamente o que parece – uma carteira que não está conectada à internet. Isso significa que ela é mais segura do que uma carteira online, pois os hackers não podem invadir sua conta se eles enquanto sua carteira não estiver conectada à internet.

Contudo, as carteiras offline também são um pouco mais inconvenientes, pois você precisa fazer backup da sua carteira e mantê-la em um lugar seguro.

Um bom local para adquirir a sua é através da KriptoBr, a única revendedora oficial da Trezor e Ledger no Brasil.

 

Carteira de papel

Uma carteira de papel é simplesmente um pedaço de papel em que você anota as informações da sua chave privada. Essas informações podem ser impressas ou apenas anotadas em um pedaço de papel.

As carteiras de papel são consideradas extremamente seguras, pois os hackers não podem invadir sua conta sem ter acesso físico à sua chave privada. No entanto, elas também são um pouco mais inconvenientes do que as outras opções, pois você precisa tomar cuidado para guardar sua chave privada em um lugar seguro e secreto. Além disso, com o tempo o papel no qual você anotou pode corroer e impedir a vizualização da senha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.